O Clássico


Palmeiras 1 x 1 Corinthians

O Derby Paulista! Em São Paulo, devido à ocorrência de 4 times grandes, temos muitos jogos nomeados clássicos, mas nenhum se compara à rivalidade e ao sentimento que desperta nos torcedores dos dois times. Momentos históricos todos têm: 5 gols do São Paulo; Dida 2 x 0 Raí; pedaladas de Robinho; 7×1 eterno; mas nenhum desses compara às embaixadas de Edílson ou às defesas de Marcos, entre muitos e muitos outros.

Com todo esse peso histórico, ontem tivemos mais um embate entre Palmeiras e Corinthians, mas certamente esse não será lembrado daqui a alguns anos. O jogo foi bom para ser assistido, mas os dois times jogaram mal: o Corinthians se perdeu depois do seu gol enquanto o Palmeiras tinha 1 protagonista, 1 coadjuvante e 9 figurantes.

Adilson montou com Jucilei no lugar de Danilo, assim como eu gostaria. O início correspondeu às expectativas, pois possuímos um time melhor e que joga junto há muito mais tempo, enquanto o Palmeiras caminha à reconstrução do elenco; pressão inicial que logo resultou num belo ataque, ótimo passe de Bruno César e gol de Jorge Henrique. O leitor palmeirense mais atento e crítico deve estar esbravejando “Impedido, porra!!”, mas o nosso amigo alviverde deve sempre lembrar que a mão de Armero acena para ele.

Feito o gol, o jogo sofreu uma mutação severa. Kleber, motivado por retornar ao clube de seu coração, não poderia ver seu amado Palestra ser golpeado e não reagir. Ao passo que Kleber entrava no jogo, Bruno César se despedia da partida e a defesa corintiana entrava em pânico. E tanto o atacante palmeirense tentou jogadas individuais e sofreu faltas que, originando do lance uma falta que ele sofreu, o Figurante 3 empurrou a bola pro gol da sobra de uma finalização do próprio Kleber.

Quase metade do primeiro tempo, empate; o jogo entra numa nova fase: a fase do Impedimento. Kleber continuou infernizando geral nos arredores da área corintiana por falha da defesa que não soube marcar sem fazer falta e nem deixar alguém na sobra para o caso de ele conseguir o giro sobre o marcador. Ainda assim o Palmeiras não achou o gol da virada, porque o coadjuvante Ewerton (“mais um e mais um e mais um”) deu uma aula primorosa de como se cai numa linha de impedimento. Odeio esse tipo de formação defensiva, espero que Adilson não faça disso um hábito, mas devo constatar que Ewerton caiu como um pato todas a vezes que tentou partir livre.

A fase do impedimento durou até a parte final do segundo tempo, quando Kleber deixou de produzir como antes. Sem seu motor, o Palmeiras voltou a ser alvo de ataques corintianos, mas a falta dos laterais, a falta do Bruno César (que foi substituído pro Defederico, mas não fez muita diferença) e os erros no último passe decretaram que o jogo não teria vencedor.

Longe de ser um jogo chato, entretanto um jogo sem técnica. Valeu pelo ponto ganho, teoricamente, fora de casa.

Rodada 12

Liderança muda de mãos de novo! Até a 16ª rodada Fluminense e Corinthians não jogarão em casa ou fora ao mesmo tempo, então é bem possível que até lá isso volte a acontecer. A partir daí, creio que as posições tendem a se estabilizar por mais tempo. O empate no Gre-Nal rendeu ao Inter o 3º lugar; Ceará segue no seu banho frio de realidade e agora já é 4º, fechando o G-4.

Cartola FC

Rodada sem sustos, média de pontos boa e quase nenhuma mudança classificação geral da nossa Liga. O pódio da rodada foi dividido por Coritiba FC (talvez ele ainda ache que o “Coxa” seja referência ao time do Paraná) com 73.05, Shiva 72.85 e Galap Futebol Soccer 71.95.

Classificação no campeonato

1º     Shiva  697.61

2º  GialloRosso  638.78

3º  Galap Futebol Soccer  633.47

4º  Coritba F.C  624.24

5º  S.E. Teddy  581

6º  Federazione Calcio  542.17

7º  sheike do petroleo  540.78

8º  Tabajara nas Coxa  532.73

9º  Blue Demon’s  497.02

10º  Crazy Coxa  437.22

11º  Só nas Coxa  400.22

12º  Meringüela FC  357.55

13º  Prometo Team  308.22

14º  Arroba SC  184.05

15º  XIII de Dromedario  57.6

Anúncios

About Pedro Ivo

21 anos, estudante de direito, colecionador de camisas de times estrangeiros e corintiano.

5 responses to “O Clássico”

  1. Bruno Rosik says :

    Boa! Vi o jogo pareciso com o que vc disse mesmo, mesmo eu não tendo visto os primeiros 20 minutos, por isso fiquei com a impressão de que o Palmeiras jogou melhor o tempo inteiro.

    Mas o gol do Corínthians, mesmo impedido, foi muito bem trabalhado. Prova de um time que tem entrosamento.

    E nossa! Pasmei com meu cartola FC.
    Conca e J. Henrique me deram gols, mas resto do time AFUNDOU! Fiquei com minha pior pontuação em todas as rodadas! Mas ainda me seguro em segundo.
    Na próxima rodada eu posso perder a posição pro Mu e tal.

    E esse Coritiba aí tá engraçado. Só falta o cara entrar sem querer na liga e chegar a ganhar! hahah

  2. Pedro Ivo says :

    Essa rodada era perfeita para eu disparar, fui bem, mas um atacante e um zagueiro meu não jogaram. Quem manda montar o time 2 dias antes do mercado fechar…

  3. Bruno Rosik says :

    Eu monto logo no dia seguinte, e revejo 1 dia antes.
    Mas o Casemiro tava provável 1 dia antes e não jogou direito. Tem que pensar muito

  4. Pedro Ivo says :

    Aquele XIII de Dromedario é meu também. Vou fazer time de até C$100 com ele, só pra descontrair. =P

  5. Carioca says :

    Po, 51 pts e ainda perdendo patrimonio? Definitivamente nao entendo esse jogo…

    Ainda assim, tive uma rodada excelente, ainda mais com o Jobson no time. Mas 2 expulsos foi de doer >_<

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: