Tricolor bate o Ceará em jogo “preparatório”


Jogo preparatório – O tricolor Paulista bateu o Ceará por 2 x1 hoje, jogando em casa.
Não vou me atentar muito a falar do jogo, porque não tivemos tantas mudanças. As mudanças que ocorreram são simples e objetivas:

– Ricardo Oliveira, vontade e coragem.

O primeiro é claro que iria acrescentar ao elenco. Atacante que SABE o que faz com a bola. Fez uma belíssima partida, chutando, correndo, se apresentando e convertendo um belo gol.

É diferenciado.

A vontade vem da desconfiança que todos tem no time, fazendo assim, o time se unir e buscar o resultado com mais vontade que no jogo de quarta.

A coragem fica por parte  do Ricardo Gomes, que teve pela primeira vez em muito tempo, a inteligência de jogar com um time ofensivo. Tudo bem que ele só fez isso poque a corda tá no pescoço, mas fez.

Fernandão fez um bom gol de cabeça também, mostrando que sabe fazer gols. Ele tem uma boa média no tricolor de gols no Brasileirão.

Mas o time ainda sim jogou mal em algumas partes do primeiro tempo e no final do segundo, quando tomou o gol. Cléber Santana NÃO DÁ! O cara é uma LESMA em campo e só sabe tocar de lado. Deus é pai e colocará na cabeça do Ricardo Gomes que esse cara não serve pro tricolor.

Hernanes fez uma partida apenas razoável e Jean como sempre foi inútil.

Mas gostei da postura do time principalmente no segundo tempo. Indo pra cima, tentando encurralar o Ceará e não deixando o BOM time Cearense jogar.
Ganhamos de um time bom montado e que está ainda no G4, não vamos esquecer disso.

Mas não vamos nos iludir com tal vitória, porque o jogo de quinta é outra história. Ricardo Oliveira deve começar jogando, junto com Dagoberto e Fernandão.
Hernanes e Rodrigo Souto ficam de volantes com Jean e Júnior César de “alas” falsos, mais marcando que atacando. Afinal, nenhum dos dois sabe atacar.
A Zaga acredito que será Xandão, Miranda e Alex, pra um ficar na sobra do Taison, que cairá pro lado do Xandão.

O espírito é não respeitar o Inter e partir pra cima. Temos que matar o jogo com no mínimo 3 x 0, porque 2 x 0 é um resultado absurdamente traiçoeiro, vide  Corínthians. Sim, podemos sair da libertadores da mesma forma que o outro time da capital, jogando mal fora de casa e ganhando de 2 x 1 dentro de casa, ficando assim fora por causa de uma atuação pífia na casa do adversário.

Esperemos que  isso não aconteça conosco e que quinta feira possamos comemorar MAIS uma final de libertadores, que quase nos dará o título antecipadamente, porque acredito que a outra chave não tem times melhores que os Brasileiros.


Edit*
Acabei de ver no “La Gazzetta Dello Sport” que o Hernanes está a um passo da Lazio.
Bom, ao menos ele vai pra Itália.
Isso pra dezembro.

Cartola FC

Levei um susto quando o Casemiro não foi escalado. Por dois motivos: Eu estava com ele no time do cartola e o Cléber Santana estava no time real do tricolor. Mas o jovem volante entrou no final e ajudou a segurar a vitória.
Já o Conca me deu alegria, jogou muito e deu 2 passes a gol. Amanhã tem meus jogadores do Palmeiras, Avaí e Atlético.

E no meu time B, eu coloquei Conca e Washinton. Vamos ver a pontuação amanhã!

Abraços e até quinta!

Anúncios

Tags:, , , ,

About Bruno Rosik

Descendente de Italianos, estudante de Publicidade e Propaganda, metido a jornalista esportivo e escritor.

2 responses to “Tricolor bate o Ceará em jogo “preparatório””

  1. Carioca says :

    Casemiro nao jogou? Me ferrei >_<

  2. Bruno Rosik says :

    Isso que dá não ler o post inteiro! hahaha
    Ele jogou sim!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: