Formula 1 – Primeiras Impressoes da Australia


Bem, tive a oportunidade de ver os treinos livres de ontem da F-1. Vi um treino com chuva e com Sol (chuva no 2o.) e sem um dominio pre-definido, diferente do que os jornais falaram. O dado preocupante foi Kamui Kobayashi. Perdeu meia asa ao literalmente atropelar um cone que existe justamente para que NAO SE PASSE POR CIMA DELE. Dai, foi pro pit, trocou a asa e essa 2a. asa simplesmente desmontou sozinha (nessa ele nao teve culpa mesmo), deixando seu carro sem controle, quase preocupante. Ele ta mostrando traços que ja vi antes, de japoneses que prometiam e nao passaram de destruidores de carros, com alguns bons pontos a serem contados. Espero que nao se torne realidade, pois seria mas uma decepçao niponica. A conferir.

Desempenho dos Brasileiros

Felipe Massa passou o tempo todo na frente do Alonso. Massa alias, que pouco foi comentado na transmissao, mesmo porque, nao ha o que comentar dele. Rubinho foi 9o. no geral, lugar que ele esperava mesmo estar, em condiçoes normais. Rubens que defendeu seu companheiro de equipe, que foi (injustamnte, ao meu ver) criticado pela ultima prova. Mas o menino ta começando, nao tem o que se falar dele. di Grassi e Senna fizeram o que seus carros permitiram, tendo uma surpresa agradavel em relaçao a Hispania, dado que vou falar a seguir.

Impressoes Sobre as Equipes Novatas

A diferença no geral continua a mesma entre as novatas e a pole, mas nao podia se esperar avanços logo de cara. O que me causou espanto foi a Hispania, que encontrou seu ritmo e esta no mesmo nivel de Lotus e Virgin. O que me impressionou, é que o chassis Dallara da Hispania esta correndo com varias peças feitas em aço e nao em fibra de carbono. Devido ao pouco tempo de produçao para a estreia, algumas peças foram feitas em aço, pois é mais facil de produzir que a fibra, porem sao peças mais pesadas, devido ao material. Presume-se que a Hispania tenha perda de 1 seg/volta por causa desse peso adicional. Se a ideia estiver realmente correta, a Hispania ainda tem 1 segundo para ganhar, provando a qualidade dos chassis Dallara. Chassis que vem sofrendo so criticas, devido ao desempenho mostrado. Mas ninguem ta levando em consideraçao que esses chassis sequer tiveram treinos antes da 1a. prova, sendo sua “pre-temporada” acontecendo nas ruas de Albert Park. Ate agora, so mostraram que sao chassis confiaveis, que tem qualidades. So teremos certeza quando o desenvolvimento inicial for concluido e as peças em fibra de carbono chegarem, mas a ideia deixada é que esse carro nao é ruim. Logico, nao espero esse carro no nivel das veteranas logo de cara, mas vi potencial ali.

Renault e Robert Kubica

Fiquei surpreso com o desempenho do time nessa pista. Liderou o 1o. treino com Kubica e no 2o., um 4o. lugar com o novato Vitaly Petrov. Mas aproveito para falar de Kubica, que mostrou ser um piloto excepcional desde sua estreia na BMW, levando ao extinto time a sua unica vitoria na F-1. Mostrou que, quando tem umm carro forte e constante, pode lutar facilmente pelo titulo, tendo habilidade e estrela. E sua liderança no treino com uma Renault, mesmo que nao queira dizer muita coisa, fez ele aparecer de novo, que esta prometendo fazer alguns milagres com o carro que tem em maos. Mas um genio é aquele que ergue o time quando ta ruim, sendo este um belo teste para esse habilidoso polones. Vamos manter um olho especial nele. Daqui ha alguns meses, falaremos a respeito.

Impressao Relativa ao Red Bull

Essa semana, levantaram uma bola que me deixou pensando. Ainda se comenta aquela perda de desempenho da Red Bull do Vettel, quando liderava o GP do Bahrein. O barulho me chamou a atençao para um problema do motor, mas comenta-se que o tanque do carro é menor do que o necessario, forçando a Vettel a diminuir o ritmo ate que a autonomia garantisse ao final, podendo acelerar logo depois. Bom, considerando que, em ritmo mais forte, o Red Bull tenha feito um ritmo igual aos da Ferrari (a distancia sempre se manteve entre 2 e 5 segs), podemos supor que eles precisem andar mais lento na mistura de combustivel para chegar ao final da prova. Se essa ideia for correta, a Red Bull nao seria pareo para os Ferrari nem McLaren, pois o tanque nao aguentaria manter um ritmo forte pela corrida toda. Logico que é apenas uma ideia que pensei, e tambem ainda acho que essa de “diminuir o ritmo” é furada. Mas se for verdade, podemos ter mais uma variante nesse campeonato. Sera verdade? Domingo de manha teremos algumas respostas.

GP da Australia. Treino: Sabado, as 03 hs (da manha mesmo). Corrida: Domingo, as 03 hs. Transmissao: Rede Globo

Anúncios

Tags:, , , ,

About Carioca

Engenheiro Mecanico, adoro carros e esportes (a soma tambem conta).

One response to “Formula 1 – Primeiras Impressoes da Australia”

  1. Bruno 6-3-3 says :

    Ow, tem um monte de desclassificados lah na lista do globo.com. Como tá funcionando isso ae? o_o

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: