Um exercício de paciência


Marcão, tu não merece isso....

Antes de mais nada, sim houve um sumiço nos posts do Palmeiras mas era necessário. Pois se eu escrevessa alguma coisa com a cabeça quente provavelmente iria tornar o blog proibido para menores de 18 anos…

Mas esse post não é sobre as DUAS derrotas do Palmeiras nessa semana, nem tentar achar desculpas ou explicações lógicas, irracionais, mirabolantes ou fazer uma análise fria. Este post é sobre uma declaração do Marcos, um palmeirense mesmo sobre esse time em 2010:

“Não sei o que falo. Para a torcida, digo que o sofrimento dela comigo no gol vai somente até o fim do ano”

Realmente, é dificil até achar motivos para discutir. O time no papel não é tão ruim mas falta aquele fogo, aquela vontade de vencer, o time é tão morto que deixa ser dominado ( eu disse DOMINADO ) pelo Santo André em PLENO PALESTRA ITÁLIA e que acaba jogando a toalha faltando 7 rodadas no poderoso campeonato paulista. Isso acaba tirando o ânimo de qualquer palmeirense e no caso do Marcão a ponto de ele cogitar de se aposentar no final desse ano o que nos leva a seguinte conclusão. Torcer pro Palmeiras é um exercício de paciência regado a altas doses de emoção, principalmente nesses ultimos 10 anos com direito a rebaixamento e tudo mais, é de ferrar com o orificio anal do padre essa situação…

E parte disso é graças a mentalidade de todas as diretorias que passaram por essa década de que “Ah os resultados tão medianos, com sorte a gente ganha alguma coisa”. Parabens! O que resultou? Um título da série B e um paulistão. Parabens Mustafás, Affonsos e Belluzzos! Realmente, vocês conseguiram deixar o palmeirense com uma paciência de buda!

So consigo pensar em terminar com um Avanti Palestra, você sempre será muito maior que esses velhos….

Anúncios

Tags:, , ,

4 responses to “Um exercício de paciência”

  1. Pedro Ivo says :

    Se o time, principalmente o Diego Souza, não acordar, prevejo fortes emoções pro Palmeiras este ano.

  2. Bruno 6-3-3 says :

    Nossa, eu sou fan do Marcos faz muito tempo. É difícil você encontrar um cara tão gente boa e apaixonado pelo time que defende. Sempre fico de olho nas entrevistas dele, porque o cara fala com o coração. Caipira, Humilde e ganhou TUDO na vida.

    E mesmo assim, ele ainda se emociona e fica puto com o Palmeiras indo mal. Puta exemplo pra Ronaldinhos Gaúchos da vida aí.

  3. Tânia says :

    Sou são paulina, mas fiquei impressionada com o Marcos ontem. Falhando ou não, perdendo ou não, o cara é palmeirense. Quando perde, sai puto da vida de campo, exatamente como a torcida sai também. Caras como ele e Rogério Ceni acabaram no futebol brasileiro. Infelizmente. Ou felizmente, porque eles sofrem demais quando o time deles perde e o resto do time não honra a camisa da mesma maneira que eles.
    Uma pena se ele parar mesmo. É o último respiro de amor a camisa do futebol brasileiro.
    beijo

  4. Rodrigo says :

    Coitado do Marcos.
    Faz tanto pelo Palmeiras e não recebe o mesmo em troca.
    Um PUTA profissional como ele não merece atuar em um time com jogadores descompromissados e de diretoria pífia.
    Talvez a aposentadoria seja a solução pra ele mesmo. Já que as coisas no palestra não mudam.
    Uma pena para o futebol.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: